“Como escolher a gravata certa para o dia do meu casamento?” Essa é a pergunta que a maioria dos noivos fazem para si mesmos, para suas noivas e para o amigo Google. Por mais que seja só um detalhe, um acessório considerado insignificante, a escolha mal feita dessa peça do vestuário pode arruinar a roupa do noivo. Por isso tanta preocupação!

Mas se você souber os segredos básicos de como se escolhe a gravata certa, pode ter certeza de que estará com o traje elegante, pronto para subir ao altar com classe. Dentre o comprimento certo, tamanho correto, cor ideal e modelo que condiz com a cerimônia, você vai descobrir muito mais do que sempre imaginou sobre esse acessório clássico masculino. Quer aprender a escolher a gravata certa? Então continue lendo e veja como é simples!

como escolher a gravata certa

Como escolher a gravata certa?

1. Confira as tendências do momento

Estar antenado na moda não é coisa só de mulher. Os homens, a cada dia que passa, estão mais engajados com o seu visual e seguindo as tendências do momento. E não seria diferente quando o assunto é traje social — especialmente para casamento. Hoje, a alfaiataria se tornou mais democrática, invadindo editoriais de moda e desfiles pelo mundo todo. Inclusive, a moda nupcial tem se renovado bastante e trazido novidades não só para as noivas, mas também para os noivos.

Então, antes de escolher a sua gravata para o casamento, dê uma pesquisada sobre o que tem sido mais usado. Podemos te dar uma adiantada no assunto, dizendo que, atualmente, a que mais tem sido usada é a gravata mais fina e delicada, com aproximadamente 7 centímetros de largura na ponta, por exemplo. Mas essa não é uma regra! As tendências servem para você se inspirar, e não seguir à risca.

2. Preze por bons tecidos

A qualidade da gravata também conta muito. Não é só o modelo — como veremos mais à frente — que faz o estilo do noivo. O tecido precisa ser bom o suficiente para dar o acabamento perfeito no pescoço e no caimento, concorda? O que mais se recomenda é a seda, pois ela tem a textura e o caimento melhores do que o poliéster, por exemplo, que dura menos e pode formar bolinhas ou ter fios repuxados. Fique de olho no material que você for escolher!

como escolher a gravata certa

3. Saiba combinar a cor certa da gravata

O que mais preocupa os noivos é a cor certa da gravata. Afinal, cada camisa pede um tipo diferente do acessório, cada estamparia, cada colarinho, cada modelo de terno…. Por isso é necessário tomar muito cuidado com as tonalidades usadas — fugir das cores muito berrantes, do xadrez mais exagerado e de tecidos muito grosseiros. A cor errada por desconectar totalmente o seu traje de noivo do restante da cerimônia! Então, algumas combinações de camisas e gravatas, com relação à sua cor, podem te ajudar nisso:

  • Camisa branca: cai muito bem com todos os tipos de gravatas, então aceitam diferentes combinações.
  • Camisa azul: também combina com vários cores de gravatas, principalmente as mais claras.
  • Camisa listrada: é preciso ter mais cuidado na escolha da gravata, pois requer atenção na largura das listras e das cores.
  • Camisa com quadriculado pequeno: cai melhor com fundo neutro, ou seja, gravatas lisas.

4. Tenha atenção ao horário e proposta do casamento

Uma dica que pode te ajudar bastante é escolher a gravata de acordo com a proposta e o estilo do seu casamento, bem como o horário que ele será realizado. Isso influencia nas cores, no modelo e no tipo de tecido do acessório! Se a cerimônia vai acontecer durante o dia, por exemplo, você pode investir em uma proposta mais descontraída, com cores mais vivas ou estampas diferenciadas, por exemplo. Mas se for à noite, é melhor seguir uma linha mais tradicional, para não errar na composição do traje social que o momento pede.

como escolher a gravata certa

5. Escolha uma gravata que te dê destaque como noivo

Isso é importante! Lembre-se de que você é o noivo, então, é você quem deve se destacar, e não os padrinhos. Portanto, busque sempre uma cor ou um modelo que se destaque mais dos demais. Pode ser de um estilo diferente deles, ou então igual, mas com outra tonalidade, por exemplo.

E o mesmo cuidado vale para os padrinhos, que devem se informar com antecedência sobre qual será o “padrão” a ser seguido. Vão todos usar a mesma gravata? A mesma cor? Haverá orientação por parte do noivo sobre a combinação das tonalidades ou do estilo de traje? É bom cuidar de tudo isso também.

Quais são os modelos de gravata que existem?

Muito se falou sobre tipos de gravata, mas é sempre bom salientar quais são os principais modelos, certo? Os três primeiros são os mais usados atualmente, e você deve se atentar a isso. Os dois últimos são bem mais raros de serem usados mas, como existem, a gente preferiu incluir na lista, para título de conhecimento. Afinal, informação nunca é demais! Veja:

1. Gravatas clássicas e tradicionais

A gravata clássica ou tradicional é a que todo mundo conhece. Você encontra com facilidade para comprar e ela é totalmente atemporal. Não tem como errar no visual, principalmente se você escolher uma gravata preta, branca ou pérola. As mais usadas são as lisas e as estampadas, e elas caem bem com ternos tanto claros quanto escuros. Vale investir, aqui, na flor na lapela, para incrementar o traje de noivo.

2. Gravata slim ou skinny

A famosinha do momento é a gravata slim ou skinny, que são bem parecidas com a tradicional, mas são bem mais finas que as clássicas. Esse tipo de gravata fica ótimo para noivos que não dispensam a tradição, mas que gostam de dar um toque mais moderno na roupa, acompanhado de um bom corte — como o terno slim fit completo. Nesse caso, a lapela pede mais um lenço do que a flor, mas fica a seu critério.

como escolher a gravata certa

3. Gravata borboleta

A gravata borboleta é a mais cool, e tem voltado a ser tendência nos casamentos, principalmente quando usadas com suspensórios. Esse modelo de gravata fica ótimo em noivos que são mais descontraídos e ousados e pode ser tanto lisa quanto estampada. Muitos noivos tem optado, também, por usá-la somente com o colete ou suspensório, dispensando o blazer — em casamentos ao ar livre e durante o dia, é claro. O importante é lembrar que esse estilo deve ser usado somente se tiver relação com o tema da cerimônia e da festa, ok?

4. Gravata italiana e plastrón

A gravata italiana ou plastrón estavam no auge há uns 5 anos. Agora, elas não estão sendo muito usadas mais. Esse tipo de acessório tem o intuito de deixar o noivo diferente dos padrinhos, e é bem rebuscada, com volume e um pingente no centro do nó.

5. Tie ball

Se você acha que a plastrón já é diferente, é porque ainda não vu a Tie Ball, ou gravata bola. Ela não é popular aqui no Brasil, mas lembra um modelo mais medieval, com pedras nobres no centro.

Depois de todas as informações de como escolher a gravata certa para o seu casamento, você está se sentindo mais preparado? Esperamos que sim! Opte pelo modelo que mais tem a ver com a sua personalidade e que dialogue bem com o estilo do casamento. Aí, não tem como errar! Aproveite e entenda também qual é a diferença entre os tipos de terno, para ficar afiado no visual de noivo!



QUER RECEBER DICAS PARA O SEU CASAMENTO?

ASSINE GRATUITAMENTE  E RECEBA ASSESSORIA DE QUEM MAIS ENTENDE DE CASAMENTOS.

Ficamos feliz em fazer parte desse momento especial, obrigado

%d blogueiros gostam disto:
SiteLock